Foi aprovado por 18 a 7 o relatório que altera as regras para concessão de benefícios previdenciários

O texto-base da Proposta de Emenda à Constituição PEC 006/2019, foi aprovado na Comissão de Constituição e Justiça (CCJ) do Senado nesta quarta-feira (4) por 18 favoráveis e 7 contrários.

Os senadores mantiveram no texto a maioria das maldades contidas na reforma. Dentre elas, o fim da aposentadoria por tempo de contribuição, a obrigatoriedade da idade mínima, a mudança na fórmula de cálculo do salário benefício e o prazo curto das regras de transição.

Agora, o texto seguirá para o plenário do Senado, onde precisa ser votado em dois turnos, e precisa da aprovação de 3/5 dos senadores. A previsão é que a votação em primeiro turno aconteça na próxima quarta-feira (11).

Além disso, o colegiado também aprovou o texto da chamada (PEC) paralela, a proposta contém pontos de alteração da reforma da Previdência que não entraram no texto-base da PEC 006/2019, como a inclusão de Estados e municípios nas alterações das regras previdenciárias.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.